Confrontando o Confinamento: um relatório sobre as prisões americanas - 2006

O Relatório da Comissão Americana sobre Segurança e Maus-Tratos nas Prisões foi resultado de um dos maiores levantamentos realizados no sistema penitenciário americano, envolvendo diversas entidades e diferentes atores sociais, buscando levantar os principais problemas e desafios contidos no trabalho e na administração penitenciária.

O relatório aponta a importância do controle da violência no cotidiano dos presídios. Embora seja uma questão que tradicionalmente não desperta a atenção e a preocupação da opinião pública, a manutenção de padrões coerentes com a dignidade humana é um ponto fundamental que contribui para a sociedade como um todo.

A idéia principal é a de que os abusos cometidos dentro dos presídios não ficam resistritos aos muros das instituições, todos os internos, após o cumprimento da pena retornam aos seus lares e a sociedade  acaba recepcionando, direta ou indiretamente essa violência. Para contornar este problema, o relatório prioriza a importância do trabalho de administração peniteniária(bem como a constituição de uma digna cultura institucional) que são peças-chave para o controle e o desenvolvimento de projetos sociais que diminuem a incidência de arbitrariedades.

AnexoTamanho
Confronting_Confinement.pdf7.87 MB